sexta-feira, 8 de maio de 2009

Luz


1 comentário:

saudadesdofuturo disse...

Depois de nos ter revelado, em diálogo mudo: a Rosa, o Pelicano e o muito amado Rumi. Oferece agora o bosque, a árvore a Luz.
Sugere-se a linguagem amorosa em vez de alimentar o ódio que nasce da ilusão de um eu dual e separado.

Escute, Emanuel, e tenha um bom dia:

http://www.youtube.com/watch?v=BJ1LrJI2U7w

Um abraço